Instituto de pesquisa vai estudar ciência da bondade

0
616

A Universidade da Califórnia, em Los Angeles (UCLA), acaba de anunciar que vai criar o primeiro instituto de pesquisa interdisciplinar do mundo sobre a bondade. Parte da divisão de ciências sociais da universidade, o instituto quer usar suas pesquisas para capacitar cidadãos e inspirar líderes de todo o mundo a construir sociedades mais humanas.

“No meio da atual política mundial, violência e conflito, o Instituto de Gentileza da UCLA Bedari procura ser um antídoto“, disse Darnell Hunt, reitor da divisão de ciências sociais da UCLA. “Enraizado em um trabalho acadêmico sério, o instituto fará parceria e compartilhará suas pesquisas sobre bondade em formatos acessíveis”, anunciou.

Os trabalhos vão começar com uma doação de US$ 20 milhões, o equivalente a R$ 80 milhões, da The Bedari Foundation, o recém-criado Instituto de Gentileza da UCLA, para apoiar pesquisas mundiais e traduzi-las para o mundo real. O instituto vai adotar uma abordagem interdisciplinar para entender a bondade através de perspectivas evolucionárias, biológicas, psicológicas, econômicas, culturais e sociológicas.

As pesquisas estarão concentradas em ações, pensamentos, sentimentos e instituições sociais associadas à bondade e reunirá pesquisadores de várias disciplinas da UCLA e de organizações externas. Pesquisadores da universidade já estão estudando os tipos de perguntas que serão a base do trabalho do instituto.

Como a bondade se espalha

Os antropólogos da UCLA estão examinando como a bondade se espalha de pessoa para pessoa e de grupo para grupo. Os sociólogos estão analisando como as pessoas que agem com crueldade regularmente podem ser encorajadas a se envolver em atos bondosos. Os psicólogos, por sua vez, estão pesquisando como a bondade pode melhorar o humor das pessoas e reduzir os sintomas da depressão.

Outros professores estão realizando pesquisas sobre mudanças na neurobiologia e comportamentos resultantes da atenção plena, e como essas mudanças podem influenciar a bondade e o bem-estar mental, físico e social das pessoas.

“As universidades devem ser lugares onde ensinamos os alunos a alcançarem linhas de diferença e a tratarem uns aos outros com empatia e respeito, mesmo quando discordamos profundamente”, explica Gene Block, da direção da universidade. “O Instituto de Bondade da UCLA Bedari trará o melhor pensamento para esta questão vital e, acredito, nos permitirá ter um impacto social real nas gerações futuras“, acredita Gene.

O Instituto vai fornecer financiamento inicial para projetos de pesquisa que examinem a mecânica social e física da bondade e como ela pode ser aproveitada para criar sociedades mais humanas. Também fornecerá treinamento de conscientização da atenção aos alunos, professores e funcionários e em comunidades carentes de Los Angeles.

O diretor do instituto será Daniel Fessler, professor de antropologia da UCLA, cujos interesses de pesquisa incluem explorar como testemunhar atos de bondade pode causar uma experiência emocional edificante que, por sua vez, motiva o observador a ser gentil. Os estudos de Fessler e seus colegas esclareceram por que algumas pessoas estão abertas a esse tipo de experiência de “bondade contagiosa”.

Fundação Badari

A Fundação Bedari é uma instituição familiar privada, cujo objetivo é permitir mudanças culturais significativas nos campos da saúde e bem-estar, deslocamento da comunidade e conservação ambiental.

Nossa visão é que todos viveremos em um mundo onde a humanidade descobrirá e praticará a bondade que existe em todos nós”, disse Matthew Harris, co-fundador da fundação, que formou na UCLA em 1984. “É necessária muita pesquisa para entender por que a bondade pode ser tão escassa no mundo moderno. Enquanto buscamos reduzir a divisão entre ciência e espiritualidade, através da criação do instituto, esperamos educar e capacitar mais e mais pessoas para a prática da bondade”, assinala.

Relacionadas

Jovem de 24 anos doa fígado e salva vida de bebê em BH

Advogado supera leucemia e cria rede social de doadores

Jovem de 28 anos espalha luz pelos cantos do Brasil



DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome