O feliz encontro do maestro famoso com um coral do bem

0
429
O maestro Isaac Karabtchevsky com músicos do coral Cantareiros no hospital Pró-Cardíaco, no Rio de Janeiro. Foto - Cantareiros/Reprodução
O maestro Isaac Karabtchevsky com músicos do coral Cantareiros no hospital Pró-Cardíaco, no Rio de Janeiro. Foto - Cantareiros/Reprodução

O que acontece quando um dos maiores maestros do país encontra, ao acaso, em um hospital do Rio de Janeiro, um coral que foi criado em 2006 para fazer o bem, levando música e alegria para os pacientes? O resultado só poderia ser música da melhor qualidade, que encanta e emociona.

No último dia 30 de setembro, o coral Cantareiros fazia uma apresentação para pacientes do Pró-Cardíaco, um hospital em Botafogo, no Rio de Janeiro. Quando se preparavam para cantar a última música, os coralistas encontraram na recepção o maestro Isaac Karabtchevsky, que estava no local para exames de rotina.

O maestro, que é um dos mais conhecidos do país, e que também realiza trabalhos sociais, se ofereceu para reger uma música. “Quando chegamos à recepção, não acreditamos que era o maestro Isaac Karabtchevsky, bem ali pertinho de nós. Com uma generosidade ímpar, ele se ofereceu para fazer a regência de nossa apresentação final”, contou Jules Vandystadt, que é fundador e presidente da ONG Cantareiros.

“Foi tudo muito inesperado e emocionante. Já era a nossa última música, pois já tínhamos cantado em todas as áreas do Pró-Cardíaco”, contou Jules ao G1. A música escolhida foi “A Paz”, versão de “Heal the World”, de Michael Jackson, conhecida na voz do Roupa Nova.

O resultado do inesperado e feliz encontro o leitor pode conferir no vídeo abaixo, que foi publicado no Facebook do Cantareiros:

Os Cantareiros

Cantareiros nasceu em 2006, no Rio de Janeiro, para levar a hospitais, instituições médicas, asilos, abrigos e orfanatos conforto e momentos de alegria pra quem precisa através do canto. É dirigido por Jules Vandystadt, que é ator, cantor, músico, compositor e arranjador, e conta com o trabalho voluntário de 170 cantores, que se revezam nas apresentações.

Todos os cantores são experientes, com bastante vivência em canto coral ou grupos vocais, e se revezam nas visitas, apresentando músicas em arranjos de vozes mistas, a cappella ou acompanhados por instrumentos. No repertório, músicas brasileiras e estrangeiras que falam de paz, união, amor, esperança e alegria.

No site da ONG Canteiros, o grupo se define assim: “O cantareiros canta o AMOR. Não pertence a nenhuma instituição religiosa. É um grupo de amigos de todas as religiões e crenças reunidos em prol de fazer o bem através da música, pois acreditamos que “só o amor pode nos transformar!”

O maestro Karabtchevsky

Isaac Karabtchevsky  iniciou sua carreira como regente do Madrigal Renascentista, um coral de Belo Horizonte. Foi diretor artístico da Orquestra Sinfônica Brasileira, do Teatro La Fenice, em Veneza, e da Orquestra Tonkunstlerr, em Viena.

Foi também diretor musical da Orchestre Nacional des Pays de la Loire e atualmente é diretor artístico do Instituto Baccarelli, em São Paulo, projeto social na Comunidade de Heliópolis, que reúne 1.500 estudantes distribuídos entre 5 orquestras sinfônicas e 17 corais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome