Empresa vai começar a produzir vacina contra Covid

0
389
Imagem de Fernando Zhiminaicela - Pixabay
Imagem de Fernando Zhiminaicela - Pixabay

A farmacêutica AstraZeneca, empresa encarregada de produzir e distribuir a vacina contra a Covid-19 que está sendo desenvolvida na Universidade de Oxford, no Reino Unido, e que é uma das mais promissoras para conter a doença, vai começar a produção no final deste mês e início de julho.

Conforme informou o presidente da empresa no Brasil, Fraser Hall, a intenção é produzir 400 milhões de doses iniciais no final de setembro e início de outubro. Até o início do próximo ano, a perspectiva é produzir 2 bilhões de doses, com a possibilidade de que uma parte dessa produção seja feita no Brasil, possivelmente no Instituto Butantan, em São Paulo, ou na Fiaocruz, no Rio de Janeiro.

 Liz Masoner - Pixabay
Liz Masoner – Pixabay

A AstraZeneca está conversando com o Ministério da Saúde para definir quantas doses da vacina serão fornecidas ao Brasil, quando essas doses chegarão e onde serão produzidas. A empresa tem uma fábrica em Cotia, São Paulo, mas ela não está habilitada para produção de vacinas. Havendo um acordo, é provável que a produção feita aqui sirva também para abastecer os demais países da América Latina.

Os pesquisadores de Oxford esperam concluir os estudos sobre a vacina até agosto e acreditam que vão obter do governo do Reino Unido autorização formal para ampliar a produção já a partir de setembro.

O governo dos Estados Unidos vai investir 1,2 bilhão de dólares na farmacêutica para garantir o fornecimento da vacina no país. O governo britânico também se comprometeu a pagar 65,5 milhões de libras à AstraZeneca para garantir 100 milhões de doses da vacina aos britânicos.

Há um acordo entre a Universidade de Oxford e a AstraZeneca para que vacina seja vendida sem gerar lucro durante a pandemia.

Relacionadas

O reflexo positivo da pandemia para o meio ambiente

A cura: poema para acalmar a alma em tempos de Covid-19

Com Revista Exame

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome