Escola troca máquina de salgadinhos por uma de livros

0
519
Leitura na escola recebe incentivo

Quem já assistiu a filmes ou séries que se passam nas escolas americanas se deparou com aquelas máquinas que vendem salgadinhos e refrigerantes, entre outras guloseimas nada saudáveis. Pois uma escola de Nova York resolveu mudar esse cenário e incentivar a leitura na escola.

Como parte de uma tentativa de deixar as crianças mais engajadas na leitura, uma escola  instalou uma dessas máquinas de venda automática que, em vez de itens gordurosos e açucarados, dispensa livros. Os volumes são gratuitos.

Isso foi possível após um ano de captação de recursos feita pelos funcionários da escola de em Buffalo, no Estado de Nova York. A máquina, que nesse período ficou reservada num canto como surpresa para os alunos, recebeu um acervo de US$ 1.000 de livros (cerca de R$ 3.900).

Leitura na escola como incentivo

Alunos da educação infantil até a 4ª série podem ganhar fichas para a máquina, como um sistema de recompensas em sala de aula que incentiva as crianças a se interessarem pela biblioteca.

Os títulos dos livros variam de ficção a temas culturais. “Um dos maiores problemas que temos neste distrito é a alfabetização. Se nossos filhos puderem ler, eles poderão sobreviver”, disse Sharon Belton-Cottman, membro do Conselho Escolar de Buffalo.

Com informações da Goodnews Network

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome