Profiteroles de trégua: a única saída para esta semana

0
366
Profiteroles são a forma de adoçar a semana

Nosso país vem caminhando cheio de tropeços por ruas muito distantes da razão. Tentamos engatar em uma escalada de bem-estar social, mas esquecemos de nos analisar no processo. Era como se tudo valesse a pena em prol disso. Algumas vezes, os fins justificaram os meios, e como seria diferente, em um país onde há uma desigualdade abissal que precisava e precisa ser combatida como nunca.

Frequentamos o inferno para romper alguns privilégios e não deu certo. O demônio não aceita hóspedes de forma amigável e começamos a colher um fruto amargo. Hoje, só consigo lembrar de “Cobras e Lagartos”, das pessoas deslumbradas, com muito luxo e pouca autocrítica. Em nome disso, proponho uma receita que marcou essa novela: profiteroles.

Meu preparo é uma tentativa de devolver o gosto doce a uma semana indigesta. Estou cansada e preciso de algo que me devolva conforto. Não o conforto de espírito que a dignidade assegura, mas pelo menos o conforto de degustar algo quente, doce e que combina crocância com o creme de chocolate aveludado.

Hoje, quero uma trégua. Trégua da minha realidade momentânea, trégua dos meus medos, trégua do caos. Hoje, eu vou comer minha pasta choux lambuzada de chocolate e de amor.

Peguei emprestado o vídeo e a receita do Gordon Ramsay, um dos meus chefs prediletos. Assistam o vídeo para entenderem a consistência e o modo de preparo da pasta choux.

Receita dos profiteroles da trégua

Ingredientes para a pasta choux:

  • 125 ml de leite
  • 200 ml de água fria
  • 150 g de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa de açúcar refinado
  • ½ colher de sopa de sal
  • 100 g de manteiga sem sal
  • 4 ovos médios

Para o molho de chocolate quente:

  • 200 g chocolate amargo de boa qualidade (cerca de 75%)
  • 30 g de manteiga sem sal
  • 3 colheres de sopa de mel claro
  • 125 ml de leite integral

Pré-aqueça o forno a 200º C. Um forno devidamente pré-aquecido é muito importante para fazer a massa assar corretamente. Forre uma assadeira com papel vegetal.

Para fazer os pãezinhos choux, peneire a farinha em uma tigela e reserve. Despeje o leite, água, sal e açúcar em uma panela e aqueça suavemente em fogo baixo. Quando o açúcar e o sal se dissolverem, adicione a manteiga.

Assim que a manteiga derreter, leve a mistura para ferver e retire do fogo. Despeje a farinha e bata com uma colher de pau. Quando a mistura começar a sair do lado da panela, pare de bater. Sua mistura provavelmente será um pouco parecida com purê de batatas neste momento!

Retorne a mistura para a chama do fogão e acrescente os ovos um a um. Misture até que eles estejam incorporados à massa.

Coloque a massa em um saco de confeitar com o bico (igual ao do vídeo). Faça bolinhas sobre o papel manteiga, como se fosse um suspiro, e com os dedos molhados abaixe a pontinha que se forma (isso vai evitar que eles queimem).

Asse a 200° C por 10 minutos, reduza a temperatura para 175° C e asse por mais 20 minutos até que estejam bem dourados.

Método para o molho de chocolate quente

Quebre o chocolate em pedaços pequenos e coloque em uma tigela refratária. Deixe a tigela sobre uma panela de água fervente (cuidado para a tigela de chocolate não encostar na água).

Adicione a manteiga e o mel, mexendo ocasionalmente até o chocolate derreter. Gradualmente, misture o leite até obter um molho suave e aquecer.

Recheie os profiteroles com creme de chantilly (controle seu apetite por açúcar para não deixar o creme enjoativo) usando um saco de confeiteiro com bico

Regue os profiteroles recheados com creme com o molho de chocolate, coloque em um bowl, sente no sofá e, por favor, assista uma temporada inteira de “Greys Anatomy”, “Gilmore Girls”, “Friends” ou “Seinfeld”.

*****

Já curtiu nossa página Facebook? E o nosso perfil no Instagram! Quer ler as outras crônicas da Marina? Então visita a página do Cozinhas Gerais! Vamos trocar receitas e histórias?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome