Um festival feito sob medida para amantes do queijo Minas

0
616
2º Festival do Queijo Minas Artesanal será realizado entre 18 e 20 de maio, em Belo Horizonte. Imagem - divulgação
2º Festival do Queijo Minas Artesanal será realizado entre 18 e 20 de maio, em Belo Horizonte. Imagem - divulgação

Uma boa oportunidade para os amantes do queijo Minas, uma iguaria que está conquistando também o mundo. Entre amanhã (18) e até domingo (20), a Serraria Souza Pinto vai abrigar o 2º Festival do Queijo Minas Artesanal de leite cru, que vai reunir produtores de sete regiões que, tradicionalmente, fazem os melhores queijos do estado.

Durante os três dias do evento, os visitantes vão poder degustar e comprar os produtos das regiões de Araxá, Campo das Vertentes, Canastra, Cerrado, Serra do Salitre, Serro e Triângulo Mineiro. Terão também a oportunidade de provar receitas especiais preparadas por renomados chefs da capital, elaboradas à base do queijo artesanal de Minas.

A tradição na fabricação artesanal do queijo rendeu ao produto o título de Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro, dado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Sua qualidade, que já havia ultrapassado as montanhas mineiras e chegado a outros estados brasileiros, já é também reconhecida no Velho Continente.

Ano passado, no concurso Mondial du Fromage, realizado na França, país reconhecido por produzir alguns dos melhores queijos do mundo, os produtos mineiros receberam um super ouro, sete medalhas de prata e três de bronze. Detalhe: os queijos mineiros concorreram com 700 produtos de 20 países.

Serraria Souza Pinto vai abrigar o 2º Festival do Queijo Minas Artesanal. Foto - Paulo Márcio
Serraria Souza Pinto vai abrigar o 2º Festival do Queijo Minas Artesanal. Foto – Paulo Márcio

Divulgação do queijo Minas

Atualmente, cerca de 300 produtores são cadastrados no Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), com certificação para comercializarem seus queijos dentro do estado de Minas Gerais. Outros dez produtores possuem o registro no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Sisbi-POA), que possibilita que seus queijos sejam vendidos em todo o país.

O evento é organizado pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg) e Sebrae Minas para divulgar o produto, que tem grande importância cultural, social e econômica para os mineiros. De acordo com o professor Marcos Mergarejo, que publicou uma tese sobre a geografia do queijo minas artesanal (QMA), dos 853 municípios mineiros, cerca de 700 produzem queijo. Um total de 30 mil famílias, de acordo com o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) se beneficiam diretamente da atividade.

“O festival é um grande aliado na valorização e divulgação do Queijo Minas Artesanal de leite cru. A iguaria mantém as características de produção artesanal, usando mão de obra familiar, não permitindo a produção em alta escala nem com leite pasteurizado”, explica o superintendente técnico da Faemg, Altino Rodrigues Neto.

Para o Sebrae, que vem desenvolvendo, nos últimos anos, projetos para valorizar a identidade e a origem do queijo produzido nas diversas regiões do Estado, é importante que produtores se organizem e se fortaleçam, para que seus produtos tenham mais representatividade e reconhecimento, possibilitando maior desenvolvimento econômico para as regiões.

“São produtores que se preocupam com a segurança do alimento, que usam as boas práticas agropecuárias e de fabricação”, assinala o analista da Unidade de Agronegócios do Sebrae, Ricardo Boscaro.

O visitante que for à Serraria Souza Pinto vai encontrar também cervejas artesanais, vinhos, cachaças, cafés, mel e azeites mineiros que harmonizam com os queijos. Paralelamente ao evento, serão realizadas oficinas de conservação, harmonização e degustação de queijos. Haverá também um espaço Kids para que os pais possam deixar seus filhos enquanto degustam as variedades do queijo mineiro.

Qualidade do queijo produzido em Minas já é reconhecida em outros países. Imagem - divulgação
Qualidade do queijo produzido em Minas já é reconhecida em outros países. Imagem – divulgação

Agenda do 2º Festival do Queijo Minas Artesanal 2018

Onde: Serraria Souza Pinto (Av. Assis Chateaubriand, 809 – Centro – Belo Horizonte)

Quando: 18 a 20 de maio

Quanto: R$ 15 (inteira) e R$ 7,50 (meia-entrada)*

Horário:
• 18 (sexta-feira) – de 19h ás 23h
• 19 (sábado) – das 12h às 22h
• 20 (domingo) – das 10h ás 18h

Mais informações: festivalqma.com.br.

* Menores de 12 anos não pagam. Estudantes e maiores de 60 anos pagam meia entrada

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome