Minas ganha mapa para encontrar feiras orgânicas

0
1025
Feiras orgânicas ganham mapa do Idec

As feiras orgânicas são uma ótima alternativa para o consumidor comprar produtos de boa procedência e que foram cultivados com responsabilidade. Mas o grande problema é: onde encontrá-las?

Pois o Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) resolveu esse problema. A instituição lançou o Mapa de Feiras Orgânicas, uma ferramenta de busca que cadastra locais que vendem esse tipo de produto em todo o Brasil.

Hoje, há 740 feiras registradas de todo o país. Em Minas Gerais, atualmente, 39 iniciativas foram cadastradas:

  • Andrelândia: 1
  • Belo Horizonte: 13
  • Caldas: 1
  • Florestal: 1
  • Gonçalves: 2
  • Itajubá: 2
  • Itapecerica: 1
  • Jaboticatubas: 1
  • Joanésia: 1
  • Juiz de Fora: 3
  • Lagoa Santa: 1
  • Poços de Caldas: 1
  • Pouso Alegre: 2
  • São João del Rei: 1
  • São Lourenço: 1
  • Uberlândia: 5
  • Viçosa: 2

O usuário pode selecionar a região e depois o Estado e a cidade. Todas as feiras têm endereço, horário, dias de funcionamento e os produtos que são vendidos. Além disso, há espaço para outras informações sobre o local.

Entre as iniciativas listadas, além das feiras orgânicas, o Mapa seleciona Grupos de Consumo Orgânico, movimentos de consumidores que se associam aos produtores para vender produtos, e Comércios Parceiros de Orgânicos.

Usuário pode colaborar com a ferramenta

O Mapa é interativo, ou seja, é aberto para colaborações. Nas fichas das feiras, há um espaço para o envio de informações, que são depois checadas e acrescentadas.

Além disso, é possível informar iniciativas que não estejam cadastradas. Para isso, basta preencher o formulário com seus dados e os da feira.

Mapa de Feiras Orgânicas tem receitas

A ferramenta do Idec não se restringe a fornecer a localização das feiras orgânicas. No site, o usuário encontra também dois outros recursos que ajudam a incrementar a relação com os alimentos, em busca de uma alimentação mais saudável.

Na aba Receitas, há mais de 350 modos de preparos de pratos que podem ser feitos com os alimentos orgânicos. A relação ajuda não só a variar as refeições diárias, mas também incentiva o consumo consciente.

Na lista, o usuário encontra receitas típicas de várias regiões do Brasil, como tapioca de açaí de Juçara e canjica do Cerrado, como também indicações clássicas para o dia a dia, como massa de macarrão caseira e chips de batata doce.

Outro recurso valioso é a Bibliotecas, com mais de 100 conteúdos disponíveis. Há vídeos, livros, PDFs e links, todos disponíveis para baixar ou consumir on-line, gratuitamente.

Entre os conteúdos, o Manual da Horta Orgânica Doméstica (livro para download) e o arquivo Aproveitamento Integral dos Alimentos, que pode ser lido on-line ou baixado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira o seu comentário!
Por favor insira seu nome